20 setembro, 2007

Ciência na Rua - Centro Ciência Viva de Estremoz


Mais uma vez o Centro Ciência Viva de Estremoz convida-vos para a participação num evento de outro mundo.

Esse dia é já no último fim-de-semana de Setembro.

150 representantes, 7 representações pela cidade… uma loucura.

Curiosos?!?!

29 Setembro, pelas 18.00 horas, junto ao modelo de Mercúrio, em Estremoz.




Algumas das grandes descobertas científicas fazem parte do nosso imaginário. Do eureka de Arquimedes, ao pêndulo de Foucault e aos cavalos na praça de Magdeburg, tentando separar à força dois hemisférios apenas unidos pelo vácuo, muitas são as situações em que a imagem da descoberta científica se sobrepõe à própria experiência.

O Centro Ciência Viva de Estremoz, em colaboração com a Universidade de Évora e a Câmara Municipal de Estremoz, propõem o reviver de alguns destes acontecimentos ao mesmo tempo que se dá ao participante a oportunidade de, pela experimentação, perceber o significado dessas descobertas científicas.

Ciência na Rua é um projecto de divulgação científica que, cruzando a Ciência com a Arte, dá vida a alguns dos momentos mais significativos da longa evolução científica e tecnológica que tem marcado o percurso do Homem na Terra.

Durante 2 noites, o centro histórico da cidade fecha-se ao trânsito para se abrir à Ciência. Em 7 locais a dança, o teatro, o circo ou a música, juntam-se para festejar a Ciência. Mais de 150 artistas em simultâneo, a que se juntam 30 cientistas e dezenas de experiências permitem ao participante uma clara percepção de alguns dos momentos cruciais sobre os quais se alicerça a nossa Sociedade.

Para 2007 as recriações científicas escolhidas são:

  1. O Julgamento de Galileu
  2. Hemisférios de Magdebourg
  3. O Pêndulo de Foucault
  4. Eureka de Arquimedes
  5. As Esferas de Buffon
  6. A Estrutura do ADN
  7. A Queda dos Corpos


Material de apoio para download:


Apareçam…

Sem comentários: